Golpe no delivery: motoboy finge estar perdido, pede telefone e fica com lanche – Jornal Correio

Um professor universitário relatou, nas redes sociais, um golpe aplicado por um motoboy no último domingo (31).

Segundo relatou, o entregador do aplicativo afirmou estar perdido e pediu para que Thiago Soares enviasse sua localização através do WhatsApp.

Quando Thiago passou a localização, o golpe foi aplicado imediatamente. De posse do número de Thiago, o motoboy deduziu o código de segurança fornecido pelo aplicativo – os quatro últimos dígitos do telefone -, marcou a entrega como concluída e ficou com o lanche.

Levei golpe do entregador de @iFood ele disse q estava perdido e pediu q eu enviasse a localização via WhatsApp, ingenuamente fiz e imediatamente ele confirmou a entrega pois teve acesso aos 4 últimos dígitos do meu celular (que é o código) sem entregar meu pedido pic.twitter.com/OyzTAGfPKT

— Thiago Soares (@thikos) July 31, 2022

“Eu entrei em contato com o iFood, fiquei tentando falar com eles. O iFood me respondia que o pedido tinha sido entregue. E eu tive que provar para eles que eu não recebi o pedido. Depois que eu mandei o print da conversa do entregador, eles cancelaram a entrega e estornaram o valor gasto”, afirmou Thiago ao g1.

“Eu fiquei traumatizado, não pedi mais nada. Fiquei com fome. Na hora, bateu uma bad. Eu perdi a fome. Eu fiquei estatelado. Pensei ‘que m**, caí num golpe’. Fiquei inerte. É muito estranho cair em golpes. Eu estava de ressaca e só queria comer uma fatia de red velvet, era um doce. Não consegui”, completou o professor ao portal.

O IFood informou ao g1 que a empresa “está em contato com o cliente e o caso já foi esclarecido”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *