Fernanda Keulla tem herpes-zoster, doença que vem do vírus da catapora – ZERO83


Compartilhe

A apresentadora Fernanda Keulla, que ficou famosa no país depois de vencer o BBB13, usou as suas redes sociais para dizer que já está há cinco dias internadas em um hospital com uma doença chamada herpes-zoster. O caso chamou a atenção principalmente por causa da informação passada por ela de que a doença é desenvolvida pelo vírus da varicela, o mesmo da catapora.

Keula, que atualmente tem 36 anos, explicou que teve catapora quando ainda era criança. E alertou que ao longo de todo esse tempo, mesmo sem ela saber, o vírus ficou incubado em seu organismo.

“A herpes-zoster é causada pela reativação do vírus da varicela no organismo, que fica incubado no nervo. Devido a uma baixa imunidade do meu organismo, ansiedade, stress, o vírus foi reativado”, explicou, destacando em seguida que a doença provoca dores insuportáveis e bolhinhas na pele.

Veja também  Veja locais e horários de vacinação contra Covid-19 em João Pessoa nesta quarta-feira (27)

A apresentadora comentou ainda que mesmo depois de deixar o hospital, o que ainda não tem um prazo definido, ela vai precisar continuar o tratamento em casa.

Os principais sintomas da herpes-zóster incluem bolhas, coceiras, ardência e feridas na pele, além de muita dor.

A doença é causada pelo mesmo vírus da catapora e atinge pessoas com baixa imunidade e, normalmente, que têm mais de 50 anos. Sem vacina na rede pública, uma imunização completa na rede privada custa em torno de R$ 1.6 mil.

O forte estresse é uma das principais causas da reativação do vírus e da consequente doença.

Jornal da Paraíba

Deixe uma resposta Cancelar resposta

Leia também

Saúde

Veja locais e horários de vacinação contra Covid-19 em João Pessoa nesta quarta-feira (27)

Quarta dose está disponível para as pessoas com 30 anos ou mais, que tenham tomado a terceira dose há pelo menos 120 dias.

Saúde

Veja locais e horários de vacinação contra Covid-19 em João Pessoa nesta segunda-feira (25)

Também a partir desta data, os imunizantes da fabricante Coronavac serão ofertados em dez Unidades de Saúde de referência para quem precisa tomar a segunda dose desta vacina.

Saúde

Campina Grande aplica quarta dose de vacina contra Covid-19 em pessoas a partir de 30 anos

Aplicação de quinta dose para imunossuprimidos também é ampliada para pessoas a partir de 30 anos.

Cadastre-se na nossa newsletter

Cadastre-se na nossa newsletter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *