Homem forte de Laércio deixa PP em troca do PL de Valmir de Francisquinho – Imprensa 24h – GAZETA DE SERGIPE

Causou surpresa no meio empresarial e político o rompimento entre os empresários Marcos Pinheiro e Laércio Oliveira, este deputado federal e pré-candidato ao Senado. Informações de bastidores revelam que, por trás do fim de uma relação de amizade que durava décadas, estão interesses empresariais conflitantes e apoio para uma candidatura a deputado estadual.

Pinheiro filiou-se ao PL de Valmir de Valmir de Francisquinho, que faz oposição ao agrupamento ao qual Laércio Oliveira faz parte. O empresário ficou extremamente insatisfeito com a frieza de Laércio em relação à sua candidatura, inicialmente, a deputado federal, uma vez que Laércio sempre disse que não seria candidato à reeleição. Apesar de ser homem da extrema confiança e linha de frente de Laércio, o mesmo não vinha correspondendo às expectativas do então amigo, que no meio do caminho resolveu partir para uma campanha de deputado estadual. Mas mesmo assim, Laércio permanecia frio aos desejos políticos do amigo.

Aos mais próximos, Marco Pinheiro disse que a saída do grupo liderado pelo deputado federal foi uma estratégia para se sentir mais à vontade para defender o presidente Bolsonaro em Sergipe. Mas quem acompanha os bastidores dessa relação sabe que esse não foi o motivo. E passa, inclusive, por interesse em um determinado contrato privado. Vale lembrar que Pinheiro preside a Associação Comercial e Empresarial de Sergipe (Acese) e está no Conselho do SEBRAE por indicação do próprio deputado.

Laércio enfrenta um período de turbulências. E a saída de Pinheiro do seu agrupamento pode tornar a sua intenção de se manter no controle da FECOMÉRCIO ainda mais difícil. Há anos à frente da poderosa entidade empresarial, o deputado federal tenta emplacar seu sócio, Fernando Carvalho, como presidente. O nome não tem sido digerido pelos empresários do setor com direito a voto.

Imprensa 24h

Notícias de Aracaju, Sergipe e do Brasil

Instagram

Facebook

Twitter

Relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *