Duas cidadãs terão nomes perpetuados em ruas da cidade de Limeira – Notícia de Limeira – JORNAL DE LIMEIRA

Compartilhe

 Iniciativas de denominações são de duas vereadoras por meio de projeto de lei

 Dois projetos aprovados na sessão da última segunda-feira (30), homenageiam cidadãs em nomes de ruas de Limeira. O Projeto de Lei Nº 68/2022, da vereadora Tatiane Lopes (Podemos), perpetua o nome de Ana Paula Paschoaletto, na Rua Projetada 01, do loteamento Residencial Colinas do Engenho II.  O Projeto de Lei Nº 279/2021, de Terezinha da Santa Casa (PL), denomina de Maria Cristina Bastelli a Área Verde 2, do bairro Jardim Parque Avenida, localizada na Rua Senhor José da Annunciação Fiorentini.

 Ana Paula Paschoaletto

 Nascida em 1980, filha de Lázaro Paschoaletto e Antônia Dirce Rabaldelli Paschoaletto, e irmã de Amauri Paschoaletto e Ademir Paschoaletto, passou a infância na Vila Camargo. “Local onde viria já demonstrar seu amor com os animais, que mais tarde se transformaria em sua profissão. Foi ali neste bairro que Ana cuidou de seu primeiro animal: um cachorrinho doente que ela resgatou das ruas, ainda bem criança, devido à imensa sensibilidade que sempre teve com os animais”, contou Tatiane Lopes.

 A vereadora descreveu sobre a vida da homenageada – dedicada à defesa e proteção de animais. “Uma criança muito meiga, encantava a todos por onde passava e sempre foi muito querida por todos de sua família e vizinhança”, comentou. Ana Paula Paschoaletto concluiu a graduação em Biologia e, em seguida, ingressou no curso de Medicina Veterinária. Ela abriu a própria clínica veterinária, chamada “Nossos Bichos”, na qual realizava atendimentos clínicos veterinários e cirurgias clínicas em animais domésticos.

 Ana Paula também se dedicava a ajudar ONGs de proteção animal de Limeira, como a Associação Limeirense de Proteção aos Animais (ALPA) e o Grupo de Apoio aos Animais Carentes (GPAC) e realizava cirurgias de castração de animais carentes a baixo custo. “Em todos seus anos de exercício da Medicina Veterinária, não mediu esforços para ajudar as protetoras a cuidarem de animais abandonados e vítimas de sofrimento. Além disso, resgatou inúmeros animais, sendo que alguns deles são hoje cuidados por sua mãe”, afirmou Tatiane Lopes.

 Aos 32 anos, Ana foi diagnosticada com câncer de mama. Faleceu em janeiro de 2019. “Hoje, resta-nos a lembrança de um ser humano íntegro e ímpar, que nunca mediu esforços para ajudar o outro – humano ou animal”, reconheceu a vereadora.

 Maria Cristina Bastelli

 Por 27 anos, a homenageada trabalhou como diagramadora do Jornal a “Gazeta de Limeira”. Nasceu em Limeira, em 1965, e foi casada com o radialista e jornalista Walfrido Ferreira Salvi. “Cristina sempre foi uma pessoa muito religiosa, sempre amparada pela sua fé até nos seus últimos minutos de vida. Teve seu lado social muito ativo pensava nos que mais precisa dando sempre um carinho e um lado humano a quem lhe procurava”, explicou a proponente na justificativa ao projeto.

 Cristina Bastelli faleceu em janeiro de 2018. (Da redação portal Notícia de Limeira)

Compartilhe

Comentários

comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *